Abayomy Afrobeat Orquestra (CAIXA Cultural Salvador)

Project

Abayomy Afrobeat Orquestra (CAIXA Cultural Salvador)

Abayomy Afrobeat Orquestra homenageia Maestro Abigail Moura

Realizada no espaço Caixa Cultural Salvador, temporada tem participações especiais, além de oficinas de sopro e percussão

Entre os dias 16 e 18 de janeiro de 2015, a Abaymoy Afrobeat Orquestra (RJ) retorna a Salvador para uma série de apresentações. Desta vez financiado pela Caixa Cultural, o grupo faz quatro shows em homenagem ao maestro Abigail Moura, maestro mineiro radicado no Rio de Janeiro, criador da Orquestra Afro Brasileira.

As apresentações acontecem no dia 16/01 (sexta-feira), às 20h, dia 17/01 (sábado) às 17h e 20h, e dia 18/01 às 19h. Os ingressos têm preços populares de R$10 (inteira) e R$5 (meia). No dia 18/01 ainda acontece a oficina de sopro e percussão, ministrada pelos músicos da Abayomy Afrobeat Orquestra. Com duas horas de duração, são oferecidas 25 vagas e as inscrições devem ser feitas por e-mail (ver detalhes no serviço).

Cada noite o show contará com participações especiais de músicos que se relacionam tanto com o trabalho de Abigail Moura como com o da Abayomy. Dia 16 é Russo Passapusso, dia 17 Letieres Leite e Gabi Guedes, e dia 18 Carlos Negreiros. Nos três dias a cantora Cellia Nascimento também é convidada.

Abigail Moura (1905-70) foi pioneiro no Brasil a compor inspirado pelas células rítmicas dos toques dos orixás. Foi assim que a Orquestra Afro Brasileira adicionou à sua formação clássica instrumentos como agogô, adejá, o urucungo, afoxé, atabaques e a angona-puítadejá, uma espécie de ancestral da cuíca. A Orquestra permaneceu em atividade até o ano de 1970, quando faleceu seu maestro, hoje reconhecida como um projeto que enaltecia a música africana, misturando referências como candomblé, cultura indígena, frevo e maracatu.

Abayomy, em iorubá, é uma palavra plena de significados positivos: “encontro feliz”, “aquilo que nos dá prazer”. O maestro Abigail Moura, criador da Orquestra Afro-Brasileira, assim como Fela Kuti, criador do afrobeat na Nigéria, eram visionários que lançaram as bases de uma concepção musical que se revela absolutamente contemporânea, sugerindo vetores de diálogo entre povos, culturas e diferentes estéticas. Este espetáculo presta uma homenagem à Orquestra Afro-Brasileira do Maestro Abigail Moura, tão significativa para cultura nacional, através da sonoridade contemporânea da Abayomy Afrobeat Orquestra e dos seus convidados especiais.

SERVIÇOS

SHOWS: Abayomy Afrobeat Orquestra homenageia Maestro Abigail Moura

Datas:

16/01 (sexta-feira), às 20h | Participação Cellia Nascimento e Russo Passapusso

17/01 (sábado), às 17h e às 20h | Participação Cellia Nascimento, Letieres Leite e Gabi Guedes

18/01 (domingo), às 19h | Participação Cellia Nascimento e Carlos Negreiros

Local: CAIXA Cultural Salvador – Rua Carlos Gomes, 57, Centro – Salvador (BA)

Ingressos: R$10 (inteira) | R$5 (meia)

Informações: (71) 3421-4200

 

OFICINA de sopro e percussão

Facilitadores: Thiago Queiroz (sopro) e Alexandre Garnizé e Rodrigo de La Rosa (percussão)

Dia 18 de janeiro de 2015 (domingo), das 10h às 12h

Vagas: 25

Faixa etária: 08 a 80 anos

Acesso mediante um quilo de alimento não-perecível

Inscrições: enviar e-mail para producaoabayomy@gmail.com com currículo para análise

 

ABAYOMY AFROBEAT ORQUESTRA:

Cláudio Fantinato – percussão

Maurício Calmon – teclado

Fábio Lima – sax/vocal

Alexandre Garnizé – percussão/vocal

Gustavo Benjão – guitarra/vocal

Leandro Joaquim – trompete/vocal

Marco Serragrande – trombone

Monica Avila – sax

Pedro Dantas – baixo

Rodrigo La Rosa– percussão

Thomas Harres – bateria/vocal

Thiago Queiroz – sax barítono

Vitor Gottardi – guitarra/vocal

 

FICHA TÉCNICA:

Direção Musical/Arranjos: Abayomy Afrobeat Orquestra

Participação Especial: Russo Passapusso, Carlos Negreiros, Letieres Leite, Gabi Guedes e Céllia Nascimento

Técnico de P.A.: Alex Miranda

Técnico de monitor: Andreas Sepulveda

Técnico de Luz: Leonardo Gall

Roadie: Elton Bozza

Produção Executiva: Pierre Chene

Coordenação Geral: Thiago Queiroz

Produção Administrativa: Alexandra Arakawa

Arte Gráfica: E.M. criação

Produção Local Salvador: Trevo Produções

Assessoria de Imprensa Salvador: Ana Camila Comunicação & Cultura

Realização: GI produções culturais

Apoio: Trevo Produções

Patrocínio: Caixa Cultural

Author

Ana Camila

Date

1 de Maio de 2017

Tags