Box Galeria (SecultBA)

Project

Box Galeria (SecultBA)

Projeto Box Galeria leva exposições em formato itinerante a bairros de Salvador

Contêineres são usados como galeria de cinco exposições. Projeto também promove oficinas em bairros periféricos da capital baiana.

A partir do mês de julho de 2015, Salvador será sede de um projeto inovador. O Box Galeria vai fazer circular pela cidade exposições itinerantes que acontecerão dentro de contêineres, que se deslocam pelos bairros periféricos da capital. Considerando o baixo número de galerias de arte em Salvador, além do fato de elas estarem, em sua maioria, nas regiões mais centrais, o projeto busca não só a descentralização, mas a ampliação do acesso a novos artistas visuais.

Através de convocatória, artistas serão convidados a expor nas galerias móveis, que passarão pela curadoria dos artistas Mario Britto e Dervanier Hembadoom e da museóloga Rita Sacramento. A ideia é que apresentem propostas que dialoguem com o formato da exposição em contêiner, e que de alguma forma se envolva com a região na qual a galeria vai circular. Serão cinco exposições, que ficarão abertas à visitação pública durante um mês. Os bairros que recebem a galeria são Cajazeiras, Plataforma, Cabula, Ribeira e Liberdade, onde também acontecerão oficinas promovidas pelos artistas curadores, além de visitas guiadas pelos artistas em exposição.

 

Solução criativa para as artes visuais

O projeto Box Galeria apresenta uma solução criativa e viável para o gargalo na circulação de exposições de arte e na formação de público em Salvador: a adaptação de contêineres como galerias de arte, uma tendência que já possui alguns adeptos pelo mundo. Os contêineres marítimos, fora do seu uso habitual, se constituem objetos com grande capacidade de adaptação para outros fins: casas, escritórios, sanitários públicos, entre outros. O Box Galeria se apropria da tendência e utiliza contêineres para servirem como galerias móveis que circularão por bairros populares da cidade de Salvador, se instalando em um determinado local por um prazo pré-estabelecido.

Os equipamentos serão adaptados para receber exposições de pinturas, fotografias, grafites, entre outros formatos e linguagens. Os contêineres, unidades utilizadas para o transporte, símbolo da logística e do transporte de carga, agora adquirem uma nova funcionalidade: ao mesmo tempo que transportam objetos de arte, eles também são objetos artísticos, modificados, sofrem intervenções além de ser um espaço expositivo móvel.

Entendendo a arte como um espaço também para a educação, as exposições pretendem estabelecer um diálogo com as comunidades que as receberão, havendo convênio com escolas da região, visitas guiadas e oficinas voltadas para os moradores dos bairros.

O projeto Box Galeria foi selecionado pelo Edital Setorial de Artes Visuais 2014 – 17/2013, da Secretaria da Cultura do Estado da Bahia, através da Fundação Cultural do Estado da Bahia (FUNCEB), com recursos do Fundo de Cultura da Bahia (FCBA).

 

Informações à imprensa:

Ana Camila Comunicação & Cultura

Ana Camila | (71) 9148-4281 | 8771-2243 | contato@anacamila.com

 

Sugestões de fontes:

Mario Britto (artista plástico e curador)

Artista plástico baiano, formado em curso de Artes Plásticas da Universidade Federal da Bahia, foi selecionado em 1998 pela CODEBA para participar da execução de um dos murais intitulado “Berimbaus ao Mar”. Participou de três edições da Bienal do Recôncavo, e em 2005 recebeu uma menção especial pelo trabalho “Objeto Sacro”, no XXXI Salão Regional de Artes Plásticas da Bahia, realizado em Feira de Santana. Atualmente segue fazendo pinturas e exposições em homenagem a pintora mexicana Frida Kahlo, fruto de uma pesquisa em desenvolvimento desde 1997, criando situações imaginárias e fazendo releituras delas.

Dervanier Hembadoom (artista plástico e curador)

Artista visual, fotógrafo, músico, poeta e livre pensador, nascido em Salvador na Bahia. Formado em Desenho Arquitetônico, Graduado em Artes Plásticas pela UFBA (1997), Mestre em Artes Visuais pela EBA-UFBA (2010), Aluno especial do Doutorado EBA-UFBA (2014). Cursou fotografia, computação gráfica (Rio de Janeiro) e serigrafia (Salvador). Realizou mais de 95 exposições de arte, até o ano corrente (2015), em alguns países como: Itália, Espanha e Bulgária. Tendo obras em coleções particulares da Itália, Espanha, Alemanha, Guatemala e França. No Brasil em expôs em diversos espaços e várias cidades. Realizou exposições em postes da cidade de Salvador intituladas: Urbana – em todas as direções. Em Abril de 2003 fundou o Coletivo A.S. (Artistas Sincréticos), desenvolvendo o conceito de arte Sincrética com qual desenvolve, além de artes visuais, músicas, objetos, vídeos e outras experimentações Sincréticas. Em 2013 recebeu o Título de Comendador das Artes pela ALB, conselho superior da Academia de Letras do Brasil na Suíça (Berna), em razão da sua contribuição e promoção da cultura e das artes do Brasil, através das suas obras e exposições no Brasil e no exterior.

Author

Ana Camila

Date

7 de Maio de 2017

Tags